Dra. Telma propõe escritórios compartilhados para empreendedores de Tecnologia da Informação

Por meio da indicação nº 986/2018, a vereadora Dra. Telma Tulim propôs ao prefeito Ricardo Raymundo que implante um “coworking” para pequenos empreendedores da área de Tecnologia da Informação

Publicado em: 10 de janeiro de 2019

Por meio da indicação nº 986/2018, a vereadora Dra. Telma Tulim propôs ao prefeito Ricardo Raymundo que implante um “coworking” para pequenos empreendedores da área de Tecnologia da Informação, no município de Tupã. A intenção é fortalecer o mercado e oferecer aos empreendedores um local para iniciarem suas empresas.

Dra. Telma observou que Tupã possui instituições de ensino, como as Faculdades FACCAT e a ETEC Prof. “Massuyuki Kawano”, que oferecem cursos na área de tecnologia da informação. “Espaços de coworking são escritórios compartilhados que oferecem não só toda a infraestrutura necessária ao desenvolvimento de uma atividade a menores custos de administração, mas também um ambiente no qual os profissionais possam compartilhar experiência com outros, estabelecer importantes redes de relacionamentos e até mesmo parcerias futuras”, explica.

Segundo a vereadora Dra. Telma, o escritório compartilhado pode ser utilizado por profissionais que estão dispostos a trabalhar em comunidade e interagir com outras pessoas, mas que não possuem uma estrutura adequada para isso. “A tendência é crescer ainda mais, sobretudo, por esse novo padrão facilitar o trabalho do pequeno empreendedor e colaborar para a redução de gastos, desta maneira, a implantação de coworking em nosso munícipio estará dando apoio aos empreendedores que estão dispostos a crescer e precisam de recursos. Os pequenos empreendedores da área de T.I. precisam de uma estrutura para realizar seus trabalhos, como por exemplo, a edição de vídeo, fotos, entre outros”, frisou.

De acordo com vereadora Dra. Telma, a Prefeitura, por sua vez, se responsabilizaria pela manutenção desse espaço, criar determinadas vagas e critérios para que, se cumpridos, permitir que o profissional se instale no local para desenvolver suas atividades, atender seus clientes, entre outros. “Além de ajudar no desenvolvimento desses profissionais, fomentará nosso município através dessas atividades”, completou.

 

Coworking

 

O conceito de coworking chegou ao Brasil em 2008 e, hoje, tem revelado um crescimento bastante expressivo. Segundo o censo de 2017 realizado pelo Coworking Brasil, já existem mais de 800 escritórios compartilhados espalhados pelas capitais do país.

 

 


Publicado por: Assessoria de Comunicação

Cadastre-se e receba notícias em seu email