Tupãzinho” discute melhorias para o cruzamento da rua Brasil com Caingangs

Procurado pela diretoria da escola Joaquim Abarca, o vereador “Tupãzinho” tem buscado soluções para melhorar a segurança no cruzamento da rua Brasil com a rua Caingangs.

Publicado em: 16 de setembro de 2015

           Procurado pela diretoria da escola estadual Joaquim Abarca, o vereador Pedro Francisco Garcia, “Tupãzinho”, tem buscado soluções para melhorar a segurança no cruzamento da rua Brasil com a rua Caingangs. O local oferece riscos à população, principalmente nos horários de entrada e saída dos alunos, onde o fluxo de veículos aumenta ainda mais.

No dia 17 deste mês, “Tupãzinho” se reuniu com a diretora da escola, Rosângela Coelho Queiroz, com o tenente André Vander, com o capitão da Polícia Militar, André Luís, e com representante da Secretaria Municipal de Segurança e Trânsito, para discutir alternativas para melhorar a segurança no cruzamento. “O fluxo diário no local é grande e temos que pensar ainda mais na segurança dos alunos. Nossa proposta é substituir o semáforo existente na rua Brasil por um semáforo de três tempos e instalar uma passagem de nível para a segurança dos pedestres”, disse.

Para o vereador “Tupãzinho”, a instalação do semáforo de três tempos facilitará que os motoristas virem à esquerda, reduzindo assim, o risco de acidentes, tornando o fluxo mais disciplinado.

O capitão da Polícia Militar, André Luis, destacou a importância de se discutir propostas que tragam mais segurança aos motoristas e aos alunos. “O vereador Tupãzinho nos convidou para essa reunião e viemos ver de perto a situação deste cruzamento. Realizamos essa reunião para buscar soluções no trânsito. Temos algumas propostas a serem discutidas na implantação do sistema de segurança desse cruzamento”, disse.

Já a diretora da escola Joaquim Abarca, Rosângela agradeceu o apoio do vereador “Tupãzinho”. “Nós procuramos o vereador e ele logo nos atendeu. Nós precisamos desse sistema de segurança que discipline melhor o trânsito. Estamos pensando em várias possibilidades de mudar o cruzamento para a segurança dos alunos”, comentou.

 

Assessoria de Comunicação

 


Publicado por: Assessoria de Comunicação

Cadastre-se e receba notícias em seu email