Reunião discute revitalização da rodoviária velha

Prefeito Waldemir, secretário de Desenvolvimento, Laércio dos Santos e vereador Valdir de Oliveira participaram do encontro que reuniu ainda comerciantes e técnicos do Sebrae e Senac

Publicado em: 25 de novembro de 2009

Prefeito Waldemir, secretário de Desenvolvimento, Laércio dos Santos e vereador Valdir de Oliveira participaram do encontro que reuniu ainda comerciantes e técnicos do Sebrae e Senac

Vereador Valdir de Oliveira (PDT) reuniu na tarde de sexta (20), na Prefeitura, comerciantes instalados na rodoviária velha para discutir com técnicos do Sebrae e Senac projeto de revitalização do local, cuja proposta tem o apoio do prefeito Waldemir, que inclusive participou do encontro, junto com o secretário de Desenvolvimento Econômico, Laércio dos Santos.

Objetivo é buscar orientação do Sebrae para implantar o Varejo Competitivo, projeto responsável pela revitalização de centros comerciais em diversas cidades paulistas, como em Ourinhos. Na antiga rodoviária, há cerca de 40 comerciantes atuando dentro e fora da região encravada no coração do centro comercial e financeiro de Tupã.

Prefeito Waldemir, que já autorizou a revitalização do espaço, lembrou aos comerciantes que aquela é uma área comercial que infelizmente se deteriorando com o tempo e hoje é ponto de prostituição, de bêbados e mendigos. “Essa imagem impede o comércio local de se expandir”, disse.

Junto com a revitalização, ele defende a mudança do terminal de ônibus circular para o local, a criação de uma administração para o comércio da região e ainda a cobrança de taxa para uso dos sanitários. Para o chefe do executivo, o projeto é muito mais amplo do que apenas a reforma e urbanização do local.

“A Prefeitura vai executar a reforma, mas cada comerciante vai assumir o compromisso de cuidar da imagem dessa região, fazer a sua parte, começando por retirar o conceito de rodoviária velha do local. Da porta para fora a Prefeitura fará tudo que for preciso, mas é importante o empenho de todos os comerciantes”, reforça.

Os representantes do Senac de Marília, Hassau e Takashi, e ainda Sidney Ramalho, do Sebrae, disseram que a região comercial da antiga rodoviária é privilegiada, mas será preciso fazer um trabalho de conscientização dos empresários da região para efetivar as mudanças. “O Sebrae orienta o comerciante da porta para dentro, mas se não houver vontade empresarial o projeto não terá sucesso”, disse Hassau.

O técnico do Sebrae afirmou que o prefeito Waldemir está correto quando diz que é preciso mudar o conceito do local e reforçou a importância da criação de um sistema administrativo próprio para o local, a exemplo do shopping.

Hassau explicou que o Sebrae é o gestor do projeto e o Senac é contratado para desenvolver esse projeto em Tupã. Antes de iniciar a consultoria, é preciso a aprovação do Sebrae SP. Depois, é feito o diagnóstico de cada loja para identificar os pontos fortes e fracos e por último apresentar as sugestões. “O projeto abrange quase todas as necessidades dos micro e pequenos empresários, mas a sua continuidade depende do comerciante”, lembrou.

O secretário Laércio elogiou a proposta de revitalização, mas ressaltou que será preciso a união de todos os comerciantes. Já o vereador Valdir de Oliveira, que foi procurado pelos comerciantes para conduzir as negociações com o Executivo, observou que a revitalização da antiga rodoviária permitirá a ocupação de todas as salas comerciais do local. “Com o apoio do prefeito Waldemir vamos executar um projeto que é um sonho de mais de 20 anos”, comentou.

Andréia Simões
Assessoria da Câmara Municipal


Publicado por: Andréia Simões

Cadastre-se e receba notícias em seu email