Projeto de lei de autoria do vereador Tiago Matias determina informações sobre medicamentos

A Câmara Municipal aprovou por unanimidade o projeto de lei nº 24/2018, de autoria do vereador Tiago Matias, que determina a fixação de um mural com a lista de medicamentos em estoque distribuídos gratuitamente à população.

Publicado em: 15 de junho de 2018

Objetivo é fixar um mural com a lista de medicamentos em estoque distribuídos gratuitamente nas farmácias do município

 

A Câmara Municipal aprovou por unanimidade, durante na sessão no dia 14 de maio, o projeto de lei nº 24/2018, de autoria do vereador Tiago Matias, que determina a fixação de um mural com a lista de medicamentos em estoque distribuídos gratuitamente à população pelo SUS (Sistema Único de Saúde). A proposta pede que essa lista de medicamentos esteja visível nas farmácias populares e nos postos de saúde.

De acordo com o projeto de lei, a lista dos medicamentos em estoque deve também estar disponível no site da Prefeitura de Tupã. Os medicamentos que estiverem em falta devem conter a data provável de disponibilização.

O vereador Tiago Matias explicou que a proposta irá facilitar o acesso dos pacientes aos medicamentos fornecidos gratuitamente pelo Ministério da Saúde. “Muitas vezes as pessoas têm dificuldades financeiras de comprar determinado medicamento, sendo que, em algumas ocasiões, esse medicamento pode ser encontrado nas farmácias e drogarias que são credenciadas”, afirmou.

Tiago Matias destacou que, após serem atendidos em unidades de saúde ou hospitais, ou se submeterem a procedimentos médicos, os pacientes recebem prescrição médica para uso de determinado medicamento. “A saúde da população merece total atenção por parte do poder público, e o acesso à informação é essencial para que esse direito que está previsto na Constituição Federal seja cumprido”, ressaltou.

Após ter o projeto de lei aprovado, o vereador Tiago Matias fez uma visita surpresa na Farmácia Municipal, localizada na Avenida Tapuias, e na Farmácia do Posto da Vila Formosa (zona leste), onde conversou com alguns pacientes. “Aproveitei para conversar com a população presente no local sobre a aprovação do projeto de lei e perguntar se os remédios que eles foram retirar estavam disponíveis. Todos me informaram que foram bem atendidos e encontraram os seus respectivos medicamentos. Esse é o meu papel como vereador, visitar os serviços públicos, fiscalizar os trabalhos e conversar com as pessoas para que possamos melhorar os serviços prestados à população”, disse.

 


Publicado por: Assessoria de Comunicação

Cadastre-se e receba notícias em seu email