Câmara é contra contratação de atletas de outros municípios

Dra. Lucília apresentou indicação ao governo do Estado pedindo fim dessa prática e pede apoio de outros municípios

Publicado em: 11 de agosto de 2009

Dra. Lucília apresentou indicação ao governo do Estado pedindo fim dessa prática e pede apoio de outros municípios

A Câmara aprovou na sessão de segunda (10) indicação de autoria da vereadora Dra. Lucília Donadeli (PV), que solicita ao governo do Estado, através do secretário de Esportes, Claury Santos Alves da Silva, meios para extinguir a participação de atletas profissionais ou amadores contratados por outro município para participar dos Jogos Regionais.

A vereadora justifica que a prática cria grande desigualdade entre as cidades, escondendo a real condição de cada município e desvalorizando os atletas “pratas da casa”, que treinam durante o ano todo e na hora de defender seus municípios são preteridos e substituídos por atletas que não possuem identidade alguma com a cidade.

Além do governo, Dra. Lucília busca o apoio dos deputados estaduais e prefeituras para acabar com esta prática. “Nosso objetivo é resgatar o verdadeiro sentido e espírito dos Jogos Regionais, criados há 53 anos com o intuito de valorizar os desportistas de cada município, incentivar a prática da cidadania e dos bons costumes, tirando jovens e adolescentes do descaminho e ao mesmo tempo revelar novos talentos para o esporte nacional”, explica.

A vereadora diz que infelizmente hoje, em praticamente todo o Estado, há uma distorção dessa nobre finalidade, pois cada anos muitos municípios investem maciçamente na contratação de atletas profissionais, vindo dos grandes clubes e centros desportivos, em detrimento da formação de atletas locais, que poderiam bem representar suas cidades.

Por outro lado, ela lembra que cidades como Tupã, que não comungam com esta prática e levam para as disputas regionais atletas formados nas bases, com recursos dos cofres municipais e estruturas locais, vêm seus atletas desmotivados, pois competem em desigualdade com atletas treinados nos melhores clubes do Brasil.

“Percebemos ainda que valores locais que se destacam e que no período dos Jogos Regionais poderiam bem representar sua cidade e retribuir em forma de medalha os investimentos feitos pela municipalidade, são assediados e contratados por cidades vizinhas, que na ânsia de conseguir uma melhor colocação nas disputas pagam para que nossos atletas e treinadores representem tais municípios”, ressalta.

Dra. Lucília menciona ainda o fato de que muitas cidades, mesmo sem concordarem com a contratação de atletas, acabam reféns dessa prática, pois são cobradas pela população, principalmente quando cediam tais competições.

Para acabar com essa prática, a vereadora está sugerindo, através de sua indicação, a criação de novos critérios, como a obrigatoriedade da comprovação de domicílio no município em que os atletas competem por pelo menos dois anos e ainda a criação de uma comissão para fiscalizar as denúncias apresentadas no decorrer das competições. Ela sugere a suspensão por no mínimo dois anos nos Jogos Regionais dos municípios que comprovadamente descumpram tal medida.

Andréia Simões
Assessoria da Câmara Municipal


Publicado por: Andréia Simões

Cadastre-se e receba notícias em seu email